quinta-feira, dezembro 26, 2013

Calímaco, Epigrama 23

Εἴπας ‘Ἥλιε χαῖρε’ Κλεόμβροτος ὡμβρακιώτης
ἥλατ' ἀφ' ὑψηλοῦ τείχεος εἰς Ἀΐδην,
ἄξιον οὐδὲν ἰδὼν θανάτου κακόν, ἀλλὰ Πλάτωνος
ἓν τὸ περὶ ψυχῆς γράμμ' ἀναλεξάμενος.

Cleômbroto d' Ambrácia disse: "Adeus, Sol!"
e lançou-se da alta muralha  para o Hades.
Não viu mal nenhum que valesse a morte: de Platão
ele leu um livro só, aquele sobre a alma.

(Tradução: Rafael Brunhara)

2 comentários:

Caio disse...

Belo epigrama e tradução. Li este epigrama a primeira vez no livro "hellenika: introdução ao grego antigo". Procurei no google para saber se era mesmo de calímaco e me deparo com este blog.
O Phedon é mesmo um belo livro, digno desta homenagem.

Rafael disse...

Obrigado, Caio!